De acordo com John Barrowman, o Capitão Jack, o plano é que o programa dure por mais 7 anos. Barrowman disse ao Scottish Sun: “Eu...

De acordo com John Barrowman, o Capitão Jack, o plano é que o programa dure por mais 7 anos.

Barrowman disse ao Scottish Sun: “Eu recusei várias ofertas pra fazer Torchwood. Filmaremos em LA já que é uma colaboração entre a BBC e a Rede Starz nos EUA. Eles planejam continuar com o programa pelos próximos 7 anos. Então eu ficarei seis meses em Hollywood e seis no Reino Unido.”

Obviamente, isso não é uma garantia, mas demonstra um certo interesse do canais para que a série dure.

Barrowman também disse que se o programa for longe, ele não está preocupado com seu personagem imortal: “Capitão Jack se transforma na terrível criatura, o Rosto de Boe em algum momento da vida, então ele não ficará com uma boa aparência para sempre. Mas eu continuarei fazendo Jack pelo tempo que poder.”

Uma temporada por anoa deixaria a série em sua 10ª temporada em 2017! O que vocês pensam sobre essa “duração”?
Fonte: Doctor Who TV

 

Universo Who

Publicações feitas por colaboradores que em algum momento fizeram parte da história deste site desde 2009, mas que não mais fazem parte do projeto.

  • William Barch

    dezembro 23, 2010 #1 Author

    Torchwood é um bom programa, lembra em certos aspectos Arquivo X, que ficou no ar nove anos e ainda teve fôlego para um segundo filme, dez anos depois da série ter sido cancelada. Boa parte do sucesso de ambos está no roteiro inteligente e no carisma da dupla de protagonistas, fórmula que a Fox vem usando em Bones, por exemplo.
    Claro que nada supera a série da qual Torchwood é spin-off, já que Doutor Who vem sendo exibido desde 1963. O problema é que Doutor Who investiu numa fórmula não muito comum na TV, ou seja, a troca de atores com manutenção da personagem. Isso daria certo com Jack Harkness, ou seja, sobreviveria com outro ator fazendo o papel? No caso do Doutor, a explicação é sua fisiologia alienígena, mas Jack, até onde sabemos, é humano, talvez um mutante, mas ainda assim humano. Trocar de corpo faria parte da sua “mutação”, que o tornou virtualmente imortal?
    O sucesso da série depende da qualidade dos roteiros (que foi o que derrubou a série clássica de Star Trek em sua terceira temporada, quando Roddenberry deixou de escrever os roteiros), da química entre Jack e Gwen, da teoria da conspiração que foi a base da última temporada e, quem sabe, de alguns crossovers com o Doutor e outras personagens do universo Who. Quem sabe até um combate com os Daleks ou com os Cybermen?

    Responder

  • Bianca Cavani

    dezembro 23, 2010 #2 Author

    Bem, nós sabemos que quem manda é a audiência. Se não corresponder à expectativa dos produtores (retorno do investimento por meio dos anunciantes dos intervalos comerciais, que, por sua vez, não desgrudam os olhos do número da audiência), então mal dura uma temporada. Vide Caprica, vide Rubicon, etc.
    Mas acho que o Russell tem boa mão para captar (e manter) audiência – um misto de qualidade com estratégias de temas e abordagens que agradam a vários setores da sociedade.
    Mas depende também dos formadores de opinião. De repente uma pessoa poderosa, influente, diz algo favorável… pronto, a série vira cult, vira fenômeno de massa. E igualmente o contrário pode acontecer. Exemplo, certa vez a Madonna disse (no filme Na cama com Madonna) que o Antonio Bandeiras (conhecido quase que exclusivamente pelos apreciadores do cinema espanho, sobretudo o de Almodovar) era uma gracinha, e que ela poderia se apaixonar por ele. Imediatamente o mundo inteiro começou a falar do Bandeiras, e tudo mais que vocês sabem.
    Então, vamos torcer para que a Lady Gaga (rsrs) diga algo legal sobre Torchwood…

    Responder

  • Esdras

    dezembro 24, 2010 #3 Author

    Se conseguir manter o bom nível, eu acho ótimo! Quem não gostaria de acompanhar pra sempre suas séries favoritas?!

    Responder

  • Gabriel Lidenor

    dezembro 24, 2010 #4 Author

    É uma resposta muito complicada, porque você vê que Dr. Who tem anos e anos de estrada e ainda existem milhares de fãs ao redor do mundo. Torchwood é uma excelente serie mas não se sabe se pode durar tanto tempo quanto Dr. Who. Só esperando para saber hehe.

    Responder

  • Bianca Cavani

    dezembro 25, 2010 #5 Author

    Uai, cadê os Universo-Who (beautifull) Boys and Girls? Passando o Natal em Londres? Assim espero, e mando um grande abraço, votos de feliz Natal, etc., e meus agradecimentos por manterem este excelente (e fundamental na minha vida) blog.

    Responder

  • petraberg

    dezembro 25, 2010 #6 Author

    Matheus, where are you? I miss you so much…

    Responder

  • Bianca Cavani

    dezembro 25, 2010 #7 Author

    Matheus, chega de brincadeira!

    Responder

  • Mariana Telles

    dezembro 25, 2010 #8 Author

    Vocês tem alguma previsão para quando vai sair o especial de natal traduzido ou onde eu posso tentar arranjar o não legendado?
    Obrigada!!

    Responder

  • cristiane silva couto

    dezembro 29, 2010 #9 Author

    Eu adoro torchwood, se continuar c um roteriro tão bom quanto as temporadas passadas vai valer a pena mais sete anos, sobre a troca de personagem, não acho legal, a química toda está c o john, ele pode ter o personagem invelhecido, afinal ele é imortal mas não precisa deixar de envelhecer devagar, tambem gostaria de ver o ianto de novo, acho q mais sete anos sem ele vai ficar chato.

    Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *