O criador de Torchwood, Russell T Davies sugeriu que poderia deixar a série. O escritor contou à BBC News que ele provavelmente começará novos...

O criador de Torchwood, Russell T Davies sugeriu que poderia deixar a série.

O escritor contou à BBC News que ele provavelmente começará novos projetos assim que os 10 episódios de Miracle Day estiverem completos.

“É interessante quanto tempo eu posso ficar no mundo da ficção científica. Pessoalmente acho que estou chegando ao fim disso agora e que já salvei e explodi o mundo vezes demais.”

“Já está na hora de escrever algo onde as pessoas simplesmente conversam na cozinha, mas eu realmente espero deixar a franquia numa posição muito forte para que outros roteiristas venham e possam me substituir.”

However, he admitted that it had been “brilliant” to return to the show for potentially the final time.

“De certa forma pra mim, Torchwood nunca “se foi” porque sempre esteve em minha mente. É o quarto ano de estórias para a Gwen Cooper (Eve Myles) e obviamente pro Capitão Jack (John Barrowman). É como se eles tivessem se tornado lendas modernas. Eu amo isso.”

Fonte: Digital Spy

Universo Who

Publicações feitas por colaboradores que em algum momento fizeram parte da história deste site desde 2009, mas que não mais fazem parte do projeto.

  • petraberg

    fevereiro 3, 2011 #1 Author

    Ainda preciso digerir com cuidado, tomando chá de camomila, esta notícia. Mas, por enquanto, WONGAAAA MEU DEUS!

    Responder

  • Dan

    fevereiro 3, 2011 #2 Author

    Não, Russell, não faça isso. 🙁 Continue a explodir e a salvar o mundo, nós gostamos de quando você faz isso!

    Responder

  • Bianca Cavani

    fevereiro 4, 2011 #3 Author

    Sabe de uma coisa? Acho que a série Episode trata de fatos os quais, qualquer semelhança com eventos da vida real, não é mera coincidência. E que Russell é muito elegante para dizer que tá louco para pôr um oceano entre eles e os amigos americanos…

    Assisti a uns dois epis daquela série Queer as folker. É boa, mas não é meu estilo de série. Para piorar, não encontrei a série inglesa; só a canadense-americana.

    Então, pelo que entendi, Russell está pensando em escrever histórias em que as pessoas simplesmente conversam na cozinha… Ah, faz isso não, santo.

    Responder

  • SCBright

    fevereiro 8, 2011 #4 Author

    Holy mother of God! Só falta ele entregar Torchwood para os Yankees, vai ser o fim!
    Não faça isso Russell, vai abandonar a criança? Essa série é extraordinária e não deveria acabar assim.

    Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *