A BBC divulgou uma série de entrevistas oficiais com o elenco sobre a nova temporada, que vai ar a partir do dia 15/04 no... Entrevistas oficiais da 10ª temporada – Peter Capaldi

A BBC divulgou uma série de entrevistas oficiais com o elenco sobre a nova temporada, que vai ar a partir do dia 15/04 no Reino Unido. Traduzimos a seguir a entrevista com Steven Moffat, showrunner da série.

series-10-portraits-capaldi-4-e1492027985575

1 – Como é trabalhar com a Pearl?
Foi ótimo conhecê-la – ela trouxe todo um novo vigor e animação ao papel de Companion do Doutor.  Ela não é tão diferente das companions mais velhas no sentido de que a personagem não sabe nada sobre a vida do Doutor ou sobre a TARDIS ou sobre Daleks ou qualquer outra coisa do gênero, então ela tem que ser completamente introduzida a vida dele e foi uma ótima maneira de reiniciar a série. Permite que pessoas que nunca tiveram contato com Doctor Who tenham experiências com a série pela primeira vez.

2 – É bom estar de volta e dizendo todas essas falas icônicas mais uma vez?
Acho que existem diversas falas clássicas que são divertidas de se dizer e eu adoro falar “Tempo e Dimensões Relativas no Espaço”, “Maior por dentro” e “Eles vem de Skaro e vão te exterminar”. Acho que você nunca é velho demais para gostar de dizer “TARDIS” mesmo que seja melhor dizer: “Esta é minha TARDIS!” acho que são parte da história do país – estão inseridos na cultura popular Britânica, o que é bom mas eles vão continuar se espalhando.

3 – O que devemos esperar da 10ª temporada?
A série voltou aos seus elementos básicos que são as companions levemente inocentes mas independentes viajando com essa criatura alienígenas misteriosa que consegue viajar no tempo e espaço e levá-las aos cantos mais incríveis do universo onde eles conhecem monstros terríveis que tentam matá-los. Isso é obviamente uma definição muito breve já que tudo é muito mais complexo é há muito mais detalhes, mas é basicamente o que fazemos todas as semanas. Algumas temporadas divergiram deste padrão mas esta segue-o, entregando toda semana – a criatura misteriosa leva as companions para lugares exóticos e perigosos.

4 – O que é necessário para ser um bom companion?
Bom, o campanion (e Bill é um ótimo exemplo) é uma pessoa independente. Eles tendem a ser personagens totalmente formados e independentes então eu acho que para ser um companion em Doctor Who, você tem que ser independente. Não funciona muito bem se o/a companion for um encosto para o Doutor. Acho que sempre deve existir aquele elemento de conflito ali. Como: “Por que você não disse que estava nos levando para esse planeta de monstros comedores de pele?” ou algo do tipo – é sempre muito vantajoso.

5 – Quem é Bill Potts?
Bill começa como um ser humano completamente comum do mundo real à qual tudo isso é extraordinário. Ela não sabe nada sobre isso. Mas ela é uma garota muito esperta, brilhante e engraçada. Acho que o Doutor se apegou a ela já que ela é uma das pessoas com que a vida não foi muito gentil e ela não merecia isso. Ela possui um potencial enorme e acho que o Doutor quer ajudá-la a alcançar esse potencial.

6 – Poderia descrever o relacionamento entre a Bill e o Doutor?
Acho que ele torna-se responsável por ela inicialmente em função de ensiná-la – para literalmente melhorar a mente dela, mas de um modo meio terrestre.A partir disso ela se torna mais envolvida nas aventuras extra-terrestres dele e a expansão de sua mente é extraordinária. É um relacionamento professor-aluno, mas ele se torna mais complexo que isso, e acho que o Doutor tem sofrido alguns dramas por conta própria recentemente, então ele está mais preocupado com o que poderia acontecer se ele levasse alguém com ele em suas aventuras sem os preparar.

7 – Nos conte sobre o primeiro episódio
Vamos conhecer a nova companion do Doutor, Bill – veremos ela no mundo em que está acostumada a viver e então retirada daquele ambiente pelo Doutor e levada para aventuras. Veremos alguns velhos inimigos ao longo do caminho e alguns novos também, incluindo um estranho monstro em particular, e veremos Nardole (interpretado por Matt Lucas), que se juntará a nós nas viagens.

8 – Está animado para o retorno de Matt Lucas na décima temporada?
Matt é uma parte crucial da série nesta temporada. Ele não estará presente o tempo todo, mas por uma boa parte do tempo – não quero entregar muita coisa na realidade. Ele é muito engraçado – uma ótima presença no set, muito talentoso e há uma estranha qualidade alien com sua pele pálida e olhos claros.

Fonte: DoctorWhoTV

Raquel Tegasini

No comments so far.

Be first to leave comment below.

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *