The Missing Years é um documentário feito em 1998 que se refere, como o título em inglês afirma, aos Anos Perdidos da série, ou...

The Missing Years é um documentário feito em 1998 que se refere, como o título em inglês afirma, aos Anos Perdidos da série, ou seja, os anos dos 2 primeiros Doctors, William Hartnell e Patrick Troughton (1963 à 1969), que tiveram todos seus episódios perdidos pela BBC.

O documentário foca em como e porque os episódios dessa triste época foram perdidos, e no esforço conjunto dos fãs de diversas partes do globo para recuperá-los, seja na Austrália, Nova Zelândia ou no próprio Reino Unido.

O documentário tem 40 minutos e é um ótimo material para quem quer entender melhor a situação dos arcos perdidos desses dois Doctors e porque, infelizmente, temos aqui algumas reconstruções entre as únicas sobras de cerca de 140 episódios.

Esse material foi originalmente publicado no nosso Tumblr, na nossa própria “época perdida”, numa singela comemoração de 2 anos da tradução da clássica aqui no site.

 

AVI + Legenda

RMVB Legendado

Universo Who

Publicações feitas por colaboradores que em algum momento fizeram parte da história deste site desde 2009, mas que não mais fazem parte do projeto.

  • luis magalhaes

    setembro 11, 2012 #1 Author

    “William Hartnell e Patrick Troughton (1963 à 1969), que tiveram todos seus episódios perdidos pela BBC.” ????

    TODOS?! Informação errada, nem todos os episódios forma perdidos. Estou a terminar de ver a 6º temporada original (ultima do segundo doctor) e acho que só cerca de metade foram perdidos, o que é uma pena.

    Obrigado pela divulgação do documentário de qualquer maneira

    Responder

    • Matheus Carvalho

      setembro 11, 2012 #2 Author

      Assista e depois entenda o que acontece. Não é porque você está assistindo que a BBC não perdeu tudo…Só que outras pessoas possuíam os episódios.

      Responder

  • Gabriel

    setembro 11, 2012 #3 Author

    É triste quando isto acontece, como quando a MGM perdeu a última cópia de London After Midnight de 1927.

    Responder

  • Carlos (Capitão Escarlate)

    setembro 11, 2012 #4 Author

    Matheus, gostaria de deixar meus sinceros agradecimentos em nome de todos os wholvians brasileiros com relação a seu trabalho de legendagem, principalmente na série clássica e nesses episódios perdidos (imagens históricas com áudio). Tenho certeza que no futuro MUITOS ainda lhe agradecerão por você ter tido o zelo em legenda-los. Parabéns garoto o/

    Responder

  • Micael Silva

    setembro 11, 2012 #5 Author

    “Esse material foi originalmente publicado no nosso Tumblr, na nossa própria “época perdida”, ”

    Universo Who também está procurando seus episódios perdidos hahaha 😛

    Responder

  • Marco

    setembro 12, 2012 #7 Author

    A senhora que apresenta assusta-me mais que qualquer monstro de Doctor Who…

    Responder

  • Adeniran

    setembro 12, 2012 #8 Author

    Já que, até onde eu sei, a BBC não reprisa o DW clássico, deveria ter uma série animada, principalmente por conta desses episódios perdidos, mas também para aproveitar roteiros não filmados/exibidos, algumas obras não-canônicas que explicam bastante coisa…Afinal, seria uma animação, né?

    Responder

    • Matheus Carvalho

      setembro 13, 2012 #9 Author

      Existem animações em 2 arcos de 4 episódios com a metade perdida. Mas só dos episódios perdidos. E ela reprisa sim, mas não no canal principal e não sempre, creio eu.

      Responder

  • André Haiske

    setembro 13, 2012 #10 Author

    Ola não sei se é só no meu computador, mas está dando erro ao baixar por RMVB. Desde já agradeço pelos episódios antigos legendados.

    Responder

  • Vinícius

    setembro 22, 2012 #11 Author

    O link pra baixar a legenda tá dando erro.

    Responder

  • diego leal

    setembro 22, 2012 #13 Author

    é uma pena ter tantos episódios nesta situação,queria muito ver a interpretação de Patrick Troughton,pois ele foi um dos grandes responsáveis pelo sucesso de doctor who,com a sua ideia de interpretar um doutor com personalidade diferente do anterior,o que deu a serie uma dinâmica incrível e que ao meu ver não existe em nenhuma outra serie do mundo.

    Responder

  • Vinícius

    setembro 22, 2012 #14 Author

    Valeu, Matheus!

    Responder

  • lucas

    fevereiro 12, 2014 #15 Author

    matheus qual é o seu doutor da serie classica favorito e o da atual favorito e qual arco q vc mais gosta ?

    Responder

    • Matheus Carvalho

      janeiro 22, 2015 #16 Author

      O 1º é meu favorito entre todos. Não tenho certeza na atual se é o 11 ou o 12.

      Responder

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *